domingo, 18 de setembro de 2011
Helena




Os seios túrgidos
de amores, sonhos
Guerra pacífica
consigo mesma

Trazia Helena
os ditames da vida
em sua bagagem
pesada dos anos.

Dizia ser todos
presentes de Deus
- Ora, sucintos
Senão os teus.

[Júnior Leal]

Caros leitores. Este poema carrega um peso muito grande pela história desta mulher da foto, Dona Helena, a primeira carnavalesca de Lagoa Santa que até hoje, aos 93 anos, ainda participa dedicando toda a sua força (que não é pouca!) para trazer alegria para a cidade. Nesta foto, tirada pelo meu grande amigo e fotógrafo Lenysson Cunha, Dona Helena carrega o semblante triste por ter recebido a notícia de que o Sr. Rogério Avelar, prefeito de Lagoa Santa e Túlio, ex-secretário de Turismo e Cultura de Lagoa Santa (que, para o bem da cultura de Lagoa Santa deixou o cargo - pela porta dos fundos) tinham cancelado a verba para o carnaval de Lagoa Santa 15 dias antes de acontecer. Dona Helena já havia confeccionado várias fantasias e nesta "jogada" teve um enorme prejuízo que não vou citar. Dona Helena é o verdadeiro exemplo de mulher, guerreira, serena e linda.

1 comentários


  1. Ana says:

    Linda!

    Eu realmente achei estranho acabar o desfile de carnaval aqui, era tão bacana!

    20 de setembro de 2011 19:53

Leave a Comment